Notícias

quarta-feira, 9 de abril de 2008

"Não!! Não podem ser portugueses de Portugal!!!"

Pois é ... o que uma pessoa se esquece ou já nem liga depois de cá estar a viver há uns anitos. Lembrei-me disto hoje não sei bem porquê ... às tantas foi porque a maquineta que vende os bilhetes de comboio ter decidido ficar com o dinheiro hoje de manhã e deitar-me a língua de fora em vez de me dar um bilhete :D ... gahhhh, lá tive eu de ir comprar outro ao guichê -_- . Mas enfim, a situação passou-se há uns anos atrás quando decidimos mudar de apartamento para morar mais perto do nosso trabalho. Contratamos então uma empresa de mudanças que como é óbvio mandou uma pessoa (neste caso um suíço) a nossa casa para fazer um orçamento. E tudo correu muito bem, acabamos por tratar de tudo em inglês e eis a conversa que tivemos quando o homem estava de saída e por pura curiosidade nos perguntou:

Senhor X: "Só por curiosidade, qual é a vossa nacionalidade?"
Nós : "Somos portugueses."

Aí o queixo do homem práticamente caíu. Ficou algum tempo calado a olhar para nós com uma cara de espanto como se nós fôssemos um par de extraterrestres e claro, nós ficámos todos confundidos por ele estar com aquela cara .... enfim, a situação tornou-se patética quando ele continua com esta:

Senhor X: "Não!! Não podem ser portugueses de Portugal!!!"
Nós : "Huh? Como assim?"
Senhor X: "Não, vocês falam tão bem inglês. Podem ser portugueses, mas cresceram num país de lingua inglesa não foi?"
Nós : "Não. Somos portugueses nascidos em Portugal. Estudámos lá também."
Senhor X: "Não pode ser!"

E prontos, a situação continuou um pouco mais de tempo assim até que nós perdemos a paciência e mandamo-lo embora educadamente. Pareceu-nos que o homem levou o espanto da vida dele. Quanto a nós .. enfim ... também ficamos espantados -_-.

4 comentários:

Anónimo disse...

:) rsrsrrs
beijo para ti e para o teu paxá!
sogrinha

Fernando Colaço disse...

Pois... eu já levei com essa pergunta e reacção principalmente no meu anterior trabalho bastantes vezes (numa agência de publicidade multinacional), também por falar inglês mas mais por não ter alguns comportamentos "rótulo" tuga estilo o cuspir para o chão, coçar violentamente os to****s em locais públicos, limpar os ouvidos com a unhaca e basicamente não armar peixeirada ou porrada em todo o lado onde meta os pés. Infelizmente por aqui (Geneve) 90% dos nossos conterrâneos agem assim... os soutros não notas que são portugueses :)

Há também a questão de sermos "famosos" por fazer os filhos largar a escola para ir trabalhar para as obras ou limpezas aos 15 anos quando se pode terminar um curso universitário sem gastar dinheiro em livros ou mesmo cadernos e lápis (ao contrário de ter pais ricos ou 2 empregos enquanto se estuda), o que nos deixa com uma base de escolaridade pouco "normal" neste país.

aurora disse...

Nós moramos na parte alemã. E enquanto que na parte francesa e italiana se podem encontrar emigrantes portugueses de há cerca de 20 anos atrás, na parte alemã existem muito poucos (em comparação). É raro ouvir falar português na rua/transportes públicos/etc.

Bypassone disse...

A não ser quando se vai ao Carrefour -agora Coop- num sábado pouco antes da hora de almoço ou se passa oa lado de uma obra grande na rua (como as actuais em Escher-Wyss Platz)

;)